Palestra discute futuro das regiões costeiras do Pará

  

Belém, 05/04/18 – Debater caminhos e novas perspectivas da política estadual de Gerenciamento Costeiro no Pará foi o objetivo da mais recente programação da Quinta da Educação Ambiental, ocorrida no dia 5 de abril, no auditório da Diretoria de Ordenamento, Educação e Descentralização da Gestão Ambiental (Diored), no Parque Estadual do Utinga.

Sob os olhares e ouvidos atentos do público – técnicos, estudantes e pesquisadores ambientais –, servidores da Semas ministraram palestra que discutiu o histórico da construção da política de gerenciamento costeiro, estrutura da política e suas perspectivas e desafios. Os participantes receberam certificado.

Durante a discussão, os técnicos da Semas, Beatriz Vilar e Clézio Fonseca, mostraram que a política é necessária para o esclarecimento das ações que serão implementadas nos territórios costeiros do Estado do Pará. Segundo eles, a legislação é fundamental para desenvolvimento de ações no gerenciamento costeiro do Pará.. Esclareceram, também, que depois de passar por todos os trâmites legais, o projeto de lei está na Assembleia Legislativa para análise e aprovação.

Ysla Tawuane, estudante de Gestão Ambiental, declarou que a discussão foi muito importante para o esclarecimento de dúvidas sobre gerenciamento costeiro. “Eu gostei muito do tema da palestra, pois me incentivou a compreender mais sobre as políticas ambientais que são exercidas no Pará. A política de gerenciamento costeiro vem para organizar e integralizar os municípios nessas regiões. A palestra dessa Quinta esclareceu muitas dúvidas que eu tinha acerca desse zoneamento”, disse.

Gerenciamento Costeiro – Política voltada ao ordenamento da zona costeira do Estado do Pará, por meio de instrumentos como zoneamento costeiro, sistema de informações do gerenciamento costeiro e plano de gestão integrada da orla, visa à melhoria da qualidade de vida das populações locais, proteção dos ecossistemas e do patrimônio natural, histórico e cultural.

 Quinta da Educação Ambiental – O evento mensal surgiu com o objetivo de debater assuntos atuais de cunho ambiental por meio de palestras e, assim, contribuir para o processo de difusão da Educação Ambiental. Além disso, promove a reflexão e sensibiliza os participantes a respeito de questões socioambientais e incentiva pessoas a terem atitudes sustentáveis.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará
teste