Semas participou de Seminário de Gestão das Águas Subterrâneas na UFPA

 

Belém, 20/10/2017 – Conscientizar a população mundial quanto à importância da água no planeta foi o principal objetivo da Organização das Nações Unidas (ONU) ao criar o Dia Mundial da Água em 1992. O Pará é um estado privilegiado pela disponibilidade hídrica, agrupando mais de 70% da água do Brasil, e tem o desafio de fazer uma gestão eficiente desses recursos.

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) tem a tarefa de planejar a gestão dos recursos hídricos de forma compatível com as exigências do desenvolvimento sustentável, assegurar os usos múltiplos das águas, analisar as interações do ciclo hidrológico entre as águas superficiais, subterrâneas e meteóricas, entre outras.

Sobre essas temáticas, o órgão ambiental teve participação no I Seminário “Estudos Hidrogeológicos para Definição de Estratégias de Gestão das Águas Subterrâneas da Cidade de Belém e Municípios Adjacentes”. O evento aconteceu nessa quinta-feira, 19, na Universidade Feral do Pará (UFPA), e foi uma realização do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Agência Nacional das Águas (ANA) e Consultoria Ambiental Profill.

O principal objetivo do seminário foi subsidiar a elaboração de diretrizes gerais para a gestão sustentável dos recursos hídricos subterrâneos da região e fazer a divulgação dos dados de um estudo realizado pela ANA e a Profill sobre o aquífero da região de Belém e outros municípios ao redor. Os resultados desses estudos irão servir de subsídios para as decisões da Semas e outros órgãos responsáveis pelas águas subterrâneas.

O superintendente de implementação de programas e projetos da Agência Nacional de Águas (ANA), Tibério Magalhães, disse que a parceria com os órgãos estaduais responsáveis pela gestão das águas é de extrema importância para a sociedade em geral. “Fico feliz em ver que muitas pessoas estão participando e colaborando de alguma forma, pois o grande objetivo da Agência Nacional de Águas é envolver todos os órgãos e entidades”.

A programação contou com a presença de especialistas de geofísica, geologia e hidrogeoquímica. As palestras foram sobre: a ANA e o desenvolvimento de estudos hidrogeológicos no Brasil; estudo da arte da hidrogeologia na região de Belém e a atuação da CPRM; levantamentos de dados primários e andamento dos estudos hidrogeológicos da região de Belém; integração dos estudos de geologia e geofísicos; proposta de modelo hidrogeológico conceitual e qualidade das águas dos aquíferos da região de Belém; águas subterrâneas no planejamento e gestão de recursos hídricos no estado do Pará.

O secretário adjunto de Recursos Hídricos da Semas, Ronaldo Lima, participou da mesa de abertura e foi o palestrante da última discussão do evento. “Essa é apenas umas das muitas parcerias que estamos firmando, para compartilhar a gestão de recursos hídricos no Brasil, com foco nas atuações nos estados. A Semas está modernizando seu sistema de gerenciamento das águas no Pará e, em breve, os processos autorizativos poderão ser solicitados de forma eletrônica. A gente espera que isso seja o inicio de um grande trabalho, unindo a SEMAS e a Agência Nacional de Águas”.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará