Semas indica pouca chuva para o restante do mês de setembro

Belém, 08/09/17 – Uma análise climática feita pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) indica, com base no histórico de dados climatológicos da Região Metropolitana de Belém (RMB), que, assim como agosto, setembro também apresentará baixo índice pluviométrico, com pouca quantidade de chuva, que ficarão em torno de 140 milímetros (mm), geralmente distribuídos em rápidas pancadas de chuva.

Essa situação é causada pelas condições e características fisiográficas da região, em virtude de vários fatores atmosféricos, incluindo a circulação do vento. Durante o ano, a Região Metropolitana de Belém possui dois períodos diferentes no que diz respeito à distribuição de chuvas: o período chuvoso, entre dezembro e maio, no qual ocorrem 73% do total de chuvas nas cidades; e o período menos chuvoso, de junho a novembro.

Segundo o diretor de Meteorologia e Hidrologia da Semas, Antônio Sousa, no mês de agosto, o total de chuva registrado na estação climatológica convencional do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) foi de 102,6 mm de chuva, pouco mais de 81% da média para o mês, que é de 126,4 mm. “É valido ressaltar que, com exceção a primeira semana, as chuvas em agosto aconteceram com frequência normal, pois tivemos 18 dias com registro de chuvas na estação, e as pancadas de chuvas durante a última semana do mês contribuíram para que o quantitativo mensal ficasse próximo da normalidade”, explicou.

Ainda de acordo com a análise climática, para o mês de setembro espera-se comportamento semelhante ao ocorrido em agosto na Região Metropolitana de Belém, já que os volumes médios mensais para os dois meses se assemelham: 126,4 no mês de agosto e 144,8 em setembro.

O diretor de meteorologia ainda afirmou que “as manhãs serão de sol, com nebulosidade variando entre poucas nuvens e parcialmente nublado. Durante as tardes, há tendência de sol com nebulosidade variando entre parcialmente nublado a nublado. Além disso, é esperado, durante os finais de tarde e as primeiras horas da noite, ocorrências de chuvas em formas de pancadas e com trovoadas, que podem ser acompanhadas com rajadas de ventos.”

Regiões

O mês de setembro apresentará chuvas abaixo do normal nas regiões da Calha Norte, parte do Marajó, região do Baixo Tocantins e extremo Sudeste do estado do Pará. Já para os municípios localizados nas regiões Sudoeste, faixa central do estado, região do Baixo Amazonas, porção norte da Ilha do Marajó e região do salgado (litoral), as chuvas no mês de setembro ocorrerão dentro da normalidade. A faixa Norte do Pará atravessa o seu período mais seco, enquanto que o Sul do Pará, sofrerá um atraso no período de início das chuvas.

Os volumes esperados para o mês de setembro irão variar, em média, entre 20 mm e 70 mm nas áreas com previsão de chuvas abaixo do normal e variando entre 50 mm e 100 mm nas demais áreas.

Em relação as temperaturas, as máximas diárias devem ficar em torno de 1ºC a 2ºC, acima do normal para o período, com destaque para a faixa sul do Pará que ainda deve apresentar temperaturas máximas de até 37ºC – 38ºC.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará