Serrarias flagradas com madeira ilegal são interditadas

Belém, 30/11/16 – Operação de fiscalização ambiental, nomeada Tentáculos, coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), com apoio do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), ocorre desde setembro no estado do Pará. O trabalho é resultado de mapeamento feito pela gerência de Monitoramento da Semas, que detectou irregularidades ambientais na exploração florestal, na região sudeste do Pará.

Nesta terça-feira (29), a fiscalização aconteceu no município de Abel Figueiredo, onde foram interditadas cinco serrarias, que somavam 2.000 m³ de madeira de espécies variadas exploradas ilegalmente. O equivalente a quase 90 caminhões cheios de tora.

A ação, que prossegue por todo o ano, resultou no fechamento de outras nove serrarias no município de Dom Eliseu e apreensão de 1.500 m³ de madeira em toras das espécies ipê, maçaranduba, angelim, entre outras nobres, brancas e vermelhas.

Até agora, os principais ilícitos flagrados são a falta de documentação legal, ausência do Cadastro de Consumidores de Produtos Florestais (Ceprof) no sistema do órgão ambiental do Pará e o indispensável Cadastro Ambiental Rural (CAR) dos imóveis rurais. A operação apreendeu ainda motosserras, carregadeiras e caminhões, que faziam transporte ilegal dos produtos florestais.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará