Semas realiza Projeto Verão Legal com Educação Ambiental em Salinópolis e Bragança

IMG-20160717-WA0040 IMG-20160717-WA0053  IMG-20160717-WA0081

Belém, 20/07/2016 – A Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), realizou de 15 a 17 de julho nos municípios de Salinópolis e Bragança, na região nordeste do estado, mais uma etapa do Projeto Verão Legal com Educação Ambiental. A ação consiste na realização de atividades socioculturais voltadas para o desenvolvimento sustentável, realizadas em parceria com o Corpo de Bombeiros através do Projeto Escola da Vida, que desenvolve atividades de orientação e prevenção sobre a poluição das praias, por descarte do lixo consumido por veranistas.

Em Salinas, no primeiro dia da ação, foram realizadas palestras para crianças e adolescentes do Projeto Escola da Vida, na câmara de vereadores. Na ocasião, receberam orientações sobre a importância dos Ecossistemas e Unidades de Conservação, ministrada pela servidora Adriana Maués, do Núcleo de Projetos da Semas, e sobre o lixo e educação ambiental, ministrada por Greyce Souza, da Secretaria de Meio Ambiente do município. Ao final, cada participante recebeu uma pasta contendo informativos da ação verão e jogos educativos, entre eles, folder sobre poluição sonora e resíduos sólidos, cartilhas da água e sobre preservação ambiental.

Já no município de Bragança, as crianças e adolescentes receberam palestra sobre o uso racional da água, realizada pelo secretário municipal de Meio Ambiente, Luis Eustórgio, por técnicos da Semas e da Universidade Federal do Pará (UFPA), do campus da cidade. Em seguida, foi realizado um nivelamento das ações de praia onde foram distribuídos informativos da ação verão. O primeiro dia das atividades foi encerrado com uma apresentação musical dos alunos do Projeto Escola da Vida do Corpo de Bombeiros.

No sábado (16) e no domingo (17), as ações estiveram concentradas nas praias dos municípios de Salinas e Bragança. Com o objetivo de sensibilizar barraqueiros e veranistas sobre a importância de manter a praia limpa e o respeito ao meio ambiente, foram distribuídas sacolas plásticas e realizada uma blitz educativa com as pessoas que chegavam no local de carro. Na praia de Ajuruteua, o personagem “Tio Arroz” animou as crianças com a distribuição de jogos, brincadeiras educativas, brinquedos e uma troca ecológica com arrecadação de lixo da praia por guloseimas. Cerca de 600 pessoas foram atingidas nos três dias das ações. A programação encerrou com a apresentação dos fantoches Lili e Neco, com o tema Consciência Ambiental na Praia é Preciso.

O Coordenador da ação Verão Legal com Educação Ambiental em Bragança, Gilton Moura, avalia que “fazer Educação Ambiental na praia é sempre um desafio, quando podemos mostrar um pouco do trabalho realizado pela Semas, através da Coordenadoria de Educação Ambiental, conversando com banhistas, barraqueiros, vendedores, turistas e usuários de um bem público sobre a importância de ter a praia limpa e conservada, onde todos ganham em qualidade de vida”.

Rafael Costa de Oliveira, que coordenou a ação em Salinópolis, falou sobre poluição sonora nesse período. “O trabalho preventivo é sem dúvida um grande desafio. Tão importante quanto manter o volume do som em níveis permitidos pela legislação é manter o volume em níveis confortáveis à saúde. Com a ajuda do decibelímetro foi possível mostrar, principalmente para os condutores de veículos automotores e trabalhadores das barracas, o volume que o som deveria ficar”, disse.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará