Lotes de madeira apreendidos durante Operação Gaia vão a leilão

Foto6 Foto2 Foto4

Belém, 31/5/16 – Cerca de 2.800 m³ de madeira apreendida será leiloada pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) nesta quarta-feira (1º). O material apreendido é resultado de ação conjunta da secretaria com a Polícia Civil, Batalhão de Polícia Ambiental e o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves durante a Operação Gaia, que aconteceu nos municípios de Moju e Tailândia, no nordeste do Pará, em março.

Entre os dois lotes de madeira que irão a leilão há espécies do tipo branca, vermelha e nobre, como sucupira, maçaranduba, jatobá e piquiá. O lance mínimo está estabelecido entre  R$ 166,93 a R$ 513,28. Os participantes devem apresentar a documentação exigida no momento do certame, para validação, conforme publicado em edital. O material levado à venda pública encontra-se no pátio da Empresa I. Barreto Madeiras Eireli-ME, no município de Moju.

Este será o terceiro leilão de madeira do ano realizado pela Semas, que é a primeira secretaria do país a dar finalidade a materiais apreendidos em ações de fiscalização, por meio de leilão ou doação. O objetivo é dar o máximo de celeridade possível na destinação do material, para que não seja destruído ou deteriorado. As operações são parte do Programa de Redução da Emissão de Gases do Efeito Estufa e Desmatamento Ilegal (Pregeed), que visa interditar serrarias que exploram madeira ilegalmente no Estado.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará