Técnicos recebem certificados de curso anatomia e identificação macroscópica de madeira

DSC_0039 DSC_0069 DSC_0098

IMG_20160415_095936433 IMG_20160415_092549430 IMG_20160415_092249400

Belém, 15/04/2016 – O curso de anatomia e identificação macroscópica de madeira na Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) foi encerrado nesta sexta-feira, 15. As aulas contaram com a parceria Instituto Florestal de São Paulo e a Secretaria de Meio Ambiente de São Paulo, com a proposta de capacitar os técnicos que trabalham diretamente com apreensão de madeira a diagnosticarem os tipos e espécies florestais, abordando a análise anatômica e macroscópica da madeira – visíveis pelas funções sensoriais humanas, como o plano de corte, as disposições distintas, a cor, o brilho, entre outras características madeireiras.

Na manhã deste último dia de curso, houve aula prática no município de Santa Bárbara, na região metropolitana de Belém. Nazaré Amador, analista do Gerência de Cadastro, Transporte e Comercialização de Produtos Florestais (Gesflora), avalia que esta contribuição é de uma relevância sem precedentes. “Foi um aprimoramento grande para nós, especialmente nas questões de identificação e vistoria de madeiras, procedimentos técnicos e legais. Um curso repleto de aprendizado”, comenta.

Pela parte da tarde, o espaço foi aberto aos agradecimentos e despedidas da equipe que voltará para São Paulo. A coordenadora do curso, Sandra Florschein, agradeceu o acolhimento e receptividade que teve durante sua estada na cidade e na Semas. “Foi tudo maravilhoso, muito gratificante. Levo todos no coração e espero poder voltar logo. Estou à disposição quando quiserem visitar São Paulo”, afirmou.

Um por um, todos os técnicos e analistas receberam seus certificados, que também foram entregues aos palestrantes Eduardo Longui, Sergio Luís Marcon e Wellington Ferreira. Para Sérgio, coordenador de fiscalização ambiental da Secretaria de Meio Ambiente de São Paulo, o trabalho foi uma troca benéfica para ambos os lados. “Estar aqui proporcionou um aprendizado gigantesco. Nós de São Paulo só temos a ganhar com vocês a partir deste tipo de experiência, que soma conhecimentos. Tivemos uma ótima semana aqui”, avalia.

Esteve presente também o secretário adjunto de gestão e regularidade ambiental, Thales Belo, que agradeceu a todos os participantes deste evento e que espera que esta parceria continue. “Nossa atuação tende a melhorar com este cursos que a Semas tem promovido. Não queremos que acabe por aqui. Agradecemos a todos que puderam vir aqui e se qualificar com disposição, com alto desempenho de trabalho e verdadeiramente envolvidos”, disse.

O curso faz parte do projeto São Paulo Amigo da Amazônia, que visa conter o desmatamento do norte no país a partir de ações no estado que evitem o consumo ilegal de madeira.  Participaram da ação servidores das diretorias e Unidades Regionalizadas (UREs) da Semas, além de representantes do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), Delegacia de Meio Ambiente (Dema), Ministério Público Federal (MPF) e Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-bio).

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará