Profissionais da Semas recebem capacitação em medição de madeira em tora e serrada

 

DSC00214DSC00213

Belém, 26/01/15 – Um curso de cubagem de madeira em tora e serrada, promovido pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) em parceria com a Escola de Governança do Pará (EGPA), começou a ser ministrado nesta segunda-feira (25), na sede da Semas, para capacitar, principalmente, servidores da Diretoria de Gestão Florestal da Semas na realização de vistorias em pátios de estocagem de indústrias madeireiras e padronizar a apresentação de relatórios de cubagem dos produtos florestais.

A professora Marie Sassim, da EGPA, coordenadora do curso, explicou que a Escola planejou, organizou, coordena, vai certificar os participantes e pagar a prestação de serviços dos orientadores nas duas fases do curso: a primeira que se estenderá até sexta-feira (29) e a segunda etapa que ocorrerá em 11 de março.

Nesta primeira fase, o engenheiro florestal Tobias Brancher, da Gerência de Projetos Silvipastoris, da Semas, é o instrutor de um grupo formado predominantemente por engenheiros florestais e agrônomos do órgão que faz a gestão ambiental do Pará. Ele ressaltou que o técnico ao fazer vistoria segue normas básicas que precisam ser observadas para não prejudicar os serviços executados: deve pertencer ao quadro de servidores da Semas, ter formação na área ambiental em nível superior e outras exigências para a legalidade. “Não basta o profissional decidir punir algo ilegal, ele tem que estar designado por Portaria ou torna-se o ato sem efeito”, avalia.

O funcionário deve manter atualizado o conhecimento sobre a instituição, legislação, procedimentos e tecnologias, elaborar relatórios claros e objetivos e ainda ter habilidade para conduzir vistorias e tomar decisões para evitar conflitos com o empreendedor e com a equipe, zelo dos bens públicos, conduta dentro da lei e das normas, buscar melhorias na capacitação e qualificação profissional também foram indicações ao bom desempenho do servidor.

Na quarta-feira (27) haverá aula prática em uma empresa madeireira, no município de Santa Bárbara do Pará, na Região Metropolitana de Belém, e nos dias seguintes haverá apresentação da medição realizada no local e a conferência dos dados do Sistema de Comercialização e Transporte de Produtos Florestais (Sisflora/Auditoria), para conferir se as informações no sistema são confirmadas na prática.

Na segunda fase, dia 11 de março, o secretário adjunto de Regularidade Ambiental, Thales Belo, pela manhã, vai dar a palestra Infração Administrativa e Procedimentos Oriundos do Poder de Polícia Ambiental. À tarde, a diretora de Gestão Florestal, Gabriela Rodrigues, vai orientar os participantes sobre Sistemas de Controle de Comercialização de Produtos Florestais e elaboração de Relatórios de Vistoria, ambos no auditório da Semas.

Ascom Semas

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará