Conduta consciente nas praias garante lazer e a saúde dos frequentadores

Belém, 08/4/14 – A garantia da conduta consciente em praias é o objetivo do Departamento de Biodiversidade Aquática, Mar e Antártica, da Secretaria de Biodiversidade e Florestas, do Ministério do Meio Ambiente (MMA), no desenvolvimento de campanhas de incentivo ao bom comportamento em ambientes recifais, marinhos e em praias. O interesse principal é incentivar a prática responsável durante as atividades recreativas nesses ambientes naturais.

O Plano Nacional de Gerenciamento Costeiro e a Constituição Brasileira reconhecem as praias como área de bem comum do povo, patrimônio de todos os brasileiros. Para organizar a ocupação das praias está criado o Projeto Orla, que busca reunir governo, sociedade, setor produtivo, universidades e outros interessados na criação de um pacto por uma nova forma de usar as potencialidades e os recursos que este ambiente nos proporciona. O projeto é uma ação conjunta entre o MMA e a Secretaria do Patrimônio da União (SPU), do Ministério do Planejamento.

Outro projeto é o Passaporte Verde, que tem como objetivo apoiar a qualificação da cadeia produtiva do turismo e a implantação de infraestrutura básica e turística, além das ações de educação ambiental. A ação incentiva o turista a consumir de forma consciente e reduzir os impactos do turismo no meio ambiente.

Um dos alertas feito pelas campanhas é em relação ao lixo jogado ao mar produzido por navios e embarcações. Apesar de proibido, esse lixo marinho é atirado das cozinhas, convés, casa de máquinas e até cargas perdidas são encontradas no mar. Plásticos flutuam, um copo desse material pode levar 50 anos para se deteriorar, uma garrafa ou fralda descartável demora cerca de 400 anos.

A saúde das praias indica boas condições de banho e recreação. Se o número de bactérias for muito alto nos balneários, a água infectada pode causar diarreia, infecção nos ouvidos, garganta, nariz e até hepatite, cólera, febre tifoide, além de micoses e outras doenças.

Praias nos oferecem oportunidades de observar animais, plantas e hábitos de vida de pessoas que dependem desse meio ambiente para o próprio sustento. “Nunca jogue lixo na areia ou no mar. É fácil manter a praia limpa, depende de nós”, afirmam as campanhas. Mais informações gba@mma.gov.br .

Ascom Sema

(91) 3184 3341

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará