Produtos indígenas foram comercializados na Feira do Artesanato Mundial

Belém, 13/8/13 – A Gerência dos Povos Indígenas e Comunidades Tradicionais, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) participou da Feira do Artesanato Mundial e II Feira Estadual do Artesanato Paraense, promovidas pela Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego e Renda (Seter), entre 2 e 11 de agosto, no Hangar, Centro de Convenções. Na abertura, técnicos da Gerência puderam expor ao governador Simão Jatene e ao público em geral os produtos da sociobiodiversidade indígena, como o artesanato e a pimenta dos índios Wai Wai, habitantes da Terra Indígenas Nhamundá Mapuera, no Município de Oriximiná; e o mel dos índios Tembé, da Terra Indígena Alto Rio Guamá, localizada nos municípios de Santa Luzia, Nova Esperança do Piriá e Paragominas.

A ação faz parte do Projeto Conservação da Biodiversidade das Terras Indígenas do Pará. A valorização e apoio à comercialização dos produtos da sociobidiversidade indígena são feitos com a realização de diagnósticos e mapeamentos culturais de produtos indígenas vindos da floresta e através de atuação na solução de problemas da cadeia produtiva local, por intermédio do fomento à organização social e da capacitação dos índios.

A antropóloga, Cláudia Kahwage, titular da gerência dos Povos Indígenas, considera que a capacitação das comunidades promove a melhoria da geração de renda e da qualidade de vida dos indígenas. “Durante o evento, foram feitos vários contatos com lojistas compradores locais, nacionais e internacionais que foram repassados para a Associação dos Indígenas do Mapuera, além de divulgação dos produtos e conquista de novas parcerias, para o desenvolvimento desta linha de ação do projeto”, resume .

Ascom Sema

(91) 3184 3341

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará