Moradores do entorno do Parque Charapucu recebem oficinas

Belém (28/11/12) – Moradores das localidades próximas aos rios Preto, Panacalhau e Cajarí, no entorno do Parque Estadual Charapucu, localizado no município de Afuá, participaram, neste mês, de três oficinas de diagnóstico socioeconômico oferecidas pela Diretoria de Áreas Protegidas, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

Os trabalhos, coordenados pela Gerência de Proteção do Meio Socioeconômico e Cultural (Gemec) e apoio da Gerência do próprio Parque,  iniciaram no início deste ano, com as equipes aplicando questionários. “As oficinas fizeram parte da última etapa do diagnóstico, que visa subsidiar o plano de manejo do Parque”, explica Ernildo Serafim, do Gemec. 
 
Segundo Ernildo, estas ações têm contribuído com o cadastramento dos moradores do interior, com a formatação do termo de compromisso (a ser celebrado) e com a regularização fundiária da área.

O Parque Estadual Charapucu, criado pelo Decreto Estadual Nº 2.592, de 09/11/2010, fica no município de Afuá, a Veneza do Marajó, o qual está inserido na foz do rio Amazonas, o maior rio em extensão e volume de água do mundo e é coberto predominantemente por florestas de várzeas e igapós, que são recortados por uma imensa rede de rios, igarapés e lagos de águas doces.
 
Fonte: Comunicação Diap
 
Ascom Sema
(91) 3184-3341

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará