Pará apresenta proposta de criação de novas Unidades de Conservação

Belém – (05/10/2012) – A Secretaria de Estado de Meio Ambiente do Pará (Sema), representada pelo engenheiro agrônomo, gerente de Proteção do Meio Socioeconômico e Cultural, Ernildo Serafim, participou do Fórum Técnico do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa), no final de setembro, em Brasília. Um dos objetivos foi apresentar e discutir o recebimento de propostas de apoio do Arpa para criação de novas Unidades de Conservação (UCs).

Ernildo expôs as justificativas técnicas e a importância para a criação de novas áreas protegidas em duas regiões distintas do Estado, uma área compreendendo os muicípios de Juruti e Aveiro, que formariam a Unidade de Conservação Mamuru e outra na região central do Marajó, entre os municípios de Santa Cruz do Arari, Ponta de Pedras, Anajás e Muaná , a Unidade Marajó Central. O Pará apresentou seis solicitações de apoio, que foram submetidas à análise técnica. Das seis, duas foram pré-selecionadas.

O apoio do programa é fundamental para arcar com os custos de elaboração dos estudos técnicos durante o processo de criação e também necessário para consolidar a Unidade. A criação de Unidades de Conservação é hoje um dos principais instrumentos para a manutenção da diversidade biológica e do equilíbrio ecológico do bioma.

Ascom Sema
(91)31843341

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará