Novos conselheiros de recursos hídricos são empossados na Sema

Belém, 19/4/12 – Na XVI reunião ordinária do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH), o presidente do Conselho e secretário de Meio Ambiente do Pará, José Alberto Colares, empossou os novos conselheiros titulares e suplentes representantes do poder público, da sociedade civil, dos usuários, dos municípios e do governo federal para exercer o mandato no próximo biênio, nesta quinta-feira (19), na secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema). Na ocasião, também foram tratados temas relacionados aos usuários de recursos hídricos, ao calendário anual das reuniões, à futura criação do Instituto da Águas do Pará e outras discussões de interesse da população.

A nomeação dos conselheiros do poder público será oficializada em publicação do Diário Oficial do Estado do Pará e envolve representantes das secretarias de estado de Agricultura (Sagri), de Saúde Pública (Sespa), de Pesca e Aquicultura (Sepaq), de Ciência Tecnologia e Informação (Secti), de integração Regional e Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, da Companhia de Portos e Hidrovias, Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental (Idesp), da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e da presidência do Conselho exercida pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

O Conselho tem ainda mais quatro representantes de Associações de municípios do Pará (estes com mandato anual), e outras 12 representações da sociedade civil, entre elas universidades, associações e consórcio intermunicipal, que juntamente com os usuários de recursos hídricos e o governo federal complementam a formação do CERH.

O presidente do CERH, José Alberto Colares, ressalvou a importância da Criação do Instituto de Águas e Clima do Pará para a gestão dos recursos hídricos do Estado e marcou uma exposição mais detalhada do novo órgão para a próxima reunião do Conselho, em maio. A secretária executiva do Conselho e diretora de Recursos Hídricos da Sema, Verônica Bittencourt, acompanha todo o processo para o surgimento do Instituto. “É imprescindível para a gestão da água”, diz.

O representante da Federação das Indústrias do Pará, Luiz Moura, na condição de usuário industrial de recursos hídricos considera que “sentimos a importância de haver uma política estadual de recursos hídricos para o desenvolvimento do estado e para o nosso controle da produção industrial”.

Os novos conselheiros receberam informes sobre a composição das Câmaras Técnicas do CERH, vazões da água e compensação ambiental, e ainda a apresentação do tema Cobrança pelo Uso dos Recursos Hídricos no Brasil, realizada pelo Gerente de Cobrança pelo Uso dos Recursos Hídricos da Agência Nacional das Águas (ANA), Giordano Carvalho.

Ascom Sema
(91) 3184-3332

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará