Um Bilhão de Árvores e CAR são temas do Frutal Amazônia e Flor Pará

O fomento à agricultura familiar ganhou destaque com o Cadastro Ambiental Rural (Car) e o maior programa de reflorestamento mundial, O Um Bilhão de Árvores para a Amazônia, no V Frutal Amazônia e X Flor Pará, no  Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, no período de 24 a 27 de junho.

Os dois programas chamaram a atenção de quem passou pelo estande do Governo, local em que técnicos da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) explicavam os detalhes dos programas.

A agrônoma da Sema, Diana Castro, acredita que o CAR é um instrumento essencial para a agricultura. “Por meio dele, o Governo fica a par da existência do imóvel rural e assim consegue identificar os passivos ambientais. Sem o cadastro, não é possível realizar o licenciamento, afinal, o CAR é o começo de tudo”, disse a agrônoma.

A governadora Ana Júlia Carepa, presente na abertura do evento, comemorou as vantagens trazidas ao Estado com o Frutal e Flor Amazônia. “O Pará hoje figura como o 3º Estado no ranking de exportações. Não é por acaso que nosso cacau é tido como um dos melhores na feitura do chocolate. A fábrica em Medicilância é a prova disso”, sentenciou Ana Júlia.

A Governadora atribuiu à subida no ranking ao Frutal/Flor Amazônia. “Esta ação articulada do Governo Federal, Governo Estadual e de instituições que incentivam o desenvolvimento agrícola e sustentável no Pará estimulam os negócios agropecuários. Pessoas vêm de fora e visitam nossos estandes e passam a conhecer nossos produtos, o que é um passo para a demanda”, avaliou.

O Cadastro Ambiental Rural, a regularização fundiária e o Zoneamento Econômico Ecológico (ZEE) contribuíram também para os bons negócios agropecuários, segundo Ana Júlia. “Agora temos instrumentos eficazes no incentivo à produção agrícola, à assistência técnica, à legalização das atividades”, disse.

A Sema distribuiu sementes de paricá, espécie nativa muito utilizada no reflorestamento, e folders do Car e do 1 Bilhão de Árvores aos participantes do evento que visitaram o estande.

Glória Fonseca, dona de casa, apreciou a atividade por estimular a ação ambiental em cada um. “O fato de nos dar uma semente não é só uma maneira de nos propiciar consciência ambiental, mas também ação ambiental. Mostrar que podemos fazer a nossa parte”, deduziu a dona de casa.

Ascom Sema

(91) 3184-3332

 

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará