Plantio de espécies florestais no Parque do Utinga

O secretário de Estado de Meio Ambiente, Aníbal Picanço, participou de mais uma ação da sociedade civil organizada  para contribuir com o plantio de essência florestais, destinadas ao Programa 1 Bilhão de Árvores da Amazônia.

O evento deste domingo, 25, foi coordenado pela gerência do Parque Estadual do Utinga (Peut), e teve participação de profissionais paraenses de contabilidade, que assinarem um Termo de Adesão à campanha de reflorestamento da área e ao programa estadual de plantio das árvores.

“Este é um outro momento muito especial para a Sema, e nós só temos a agradecer o apoio que estamos recebendo de várias entidades profissionais, sindicatos, empresários, prefeituras e da sociedade para o maior programa de reflorestamento do planeta”, relembrou Aníbal Picanço.

Caminhada – Com o apoio de policiais e motociclistas do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), a assinatura do Termo de Adesão foi antecedida por uma caminhada ecológica na manhã de intenso sol desse domingo no Parque do Utinga.

Os participantes se juntaram aos inúmeros visitantes, em especial ciclistas de todas as idades, que costumam frequentar a área aos finais de semana para aproveitarem as belezas, o microclima e a tranqüilidade do local.

Para facilitar a ambientação dos visitantes, e dos admiradores mais assíduos do Peut, a administração do parque já funciona dentro do espaço de 400 hectares.

Uma das primeiras providências da gerência foi a instalação de novas placas educativas e indicativas com as principais orientações necessárias ao comportamento adequado das pessoas para cuidar do patrimônio natural da área.

“Estamos trabalhando firmes, com uma excelente equipe técnica, para dotar o parque das melhores condições aos nossos visitantes e servidores da Sema, até a chegada do projeto que vai revolucionar o uso ecológico dessa área urbana. Tudo para receber a população de Belém, do estado, os estudantes, pesquisadores e cultivadores do meio ambiente equilibrado, ressaltou o gerente do Peut, Maurício Pascoal.

Revitalização – O que Pascoal se referiu, é um projeto de revitalização completa do Parque Estadual do Utinga, que está sendo pensado e discutido dentro da Sema. Tudo para readequar o espaço ao melhor conforto dos visitantes, praticantes de caminhadas, corridas, ciclismo e o lazer das famílias.

A idéia básica, segundo o gerente do Peut, é dotar a área de equipamentos e atrativos, que incentivem o turismo de trilhas e caminhadas ecológicas em zonas urbanas, com “proteção total à fauna, flora e os recursos hídricos do parque, os manancais dos lagos Bolonha e Água Preta”, que ajudam a complementar o abastecimento de água em Belém e Região Metropolitana.

Entre as mudanças que estão sendo pensadas, ainda em nível de concepção do projeto, a instalação de um sistema de transporte com bondinho, teleféricos, restaurante, até a possibilidade de raias olímpicas nos lagos, um tema que ainda desperta polêmica entre ambientalistas, usuários e técnicos.

O futuro projeto de revitalização do Peut, garente Maurício Pascoal, vai discutir democraticamente com a sociedade de Belém, e do entorno do parque, todos esses aspectos e será levado adiante as alternativas que protejam os lagos e os diversos ambientes da floresta amazônica do espaço.

Ascom Sema
(91) 3184-3332
Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará