Sema apreende caminhão com madeira ilegal em Anapu

Durante fiscalização em madeireiras no município de Anapu,sudoeste do Pará, fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e policiais do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) encontraram um caminhão com 18 metros cúbicos de madeira de várias espécies, parado na estrada.

A equipe, que cumpre determinações da Operação Ventania, coordenada pelo Gerente de Fiscalização da Sema, César Platon, verificou os documentos apresentados pelo motorista do veículo e percebeu que ele carregava 50% a mais de madeira do que indicado na guia florestal, além de não ter somente a espécie goiabão descrita, mas outras a exemplo do angelim, cumaru e jatobá.

Segundo o coordenador da operação, o motorista usava a mesma guia florestal para transportar diferentes volumes de madeira durante vários dias. "Isso é totalmente ilegal, pois cada GF só pode carregar uma determinada quantidade de madeira por vez. Não pode ser reutilizada, pois ficaria caracterizado o esquentamento de documento para extração de madeira ilegal", explica Platon.

Questionado pela equipe, o motorista disse que não entende de nota de madeira. "Só me contrataram para fazer o transporte de Bom Jardim para Anapu. A gente está direitinho para trabalhar aqui e o pessoal [quem contratou] não está", afirmou o goiano que mora há anos no Pará.

O volume total de madeira, que já havia sido vendido para uma madeireira de Anapu por R$ 1.519,oo, foi apreeendido e depositado em uma área da Prefeitura. Os responsáveis pela venda da madeira ilegal terão 15 dias para apresentar defesa na Sema.

Luciana Almeida
Ascom Sema
(91) 3184-3332

 

 

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará