Nota à imprensa

Em relação ao retorno do movimento grevista na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), nesta terça-feira, 23, a direção da Sema esclarece:
 
A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) informa aos seus servidores e usuários, em especial o setor produtivo, que continua aberta ao diálogo com o grupo do comando de greve, o qual decidiu, novamente e sem avisar oficialmente à Secretaria, obstruir o portão principal de acesso ao prédio da Sema para funcionários e demandantes dos serviços do órgão ambiental estadual.
 
Mas, para esse propósito, exige a imediata desobstrução da entrada ao prédio, com a imediata retomada da rotina de trabalhos, fiscalizações, análises de projetos de interesse do Estado, bem como proceder ao atendimento da sociedade, com o reestabelecimento do direito de ir e vir das pessoas que necessitam dos serviços da Secretaria.
 
As reivindicações, anteriormente apresentadas à Secretaria, estão em processo de análise pelo grupo formado pelas secretarias de estado de Governo, (Segov), de Planejamento, Orçamento e Finanças (Sepof) e a própria Sema.
 
Quanto às atuais, e novas reivindicações do grupo de greve, a direção da Sema afirma desconhecer, oficialmente, o teor das solicitações, e aguarda o recebimento das mesmas para ver de que forma é possível atendê-las, a partir de elevado nível de negociação envolvendo todas as partes interessadas.
 
Belém, 23 de março de 2010
 
Gabinete da Secetaria de Estado de Meio Ambiente (Sema)
Assessoria de Comunicação (Ascom)

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará