Sema homenageia com música e rosas as funcionárias

Tudo foi preparado para surpreender as trezentas funcionárias e estagiárias da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), que receberam rosas brancas ao som de sucessos da Bossa Nova, interpretados pelo coral da Sema e alunos do Curso de Bacharelado em Música da Universidade do Estado do Pará (Uepa).
 
Por volta de 9h desta segunda-feira,8,uma comissão de servidoras da Gerência de Recursos Humanos, da Diretoria de Gestão Administrativa e Financeira (Dgaf), iniciou a programação na área da biblioteca da secretaria.
 
Clássicos da Música Popular Brasileira (MPB), imortalizados por Vinícios de Moraes, Tom Jobim, Caetano Veloso, Chico Buarque, e outros compositores e cantores consagrados, foram acompanhados pelas homenageadas, que aprovaram a lembrança num dia especial.
 
Da biblioteca, a comissão seguiu para todos os andares do prédio da Sema e reuniu as mulheres, que por alguns mitutos, interromperam os trabalhos para receberem as rosas brancas, que simbolizam a reverência, segredo, inocência,pureza e paz.
 
Data – Registra a História que o Dia Internacional das Mulheres foi inspirado a partir de protestos no limiar do Século XX na Europa, por melhores condições de trabalho nas fábricas e o direito do voto.
 
A data foi adotada pelas Organização das Nações Unidas (ONU), em 1975, para lembrar as conquistas sociais, políticas e econômicas das discriminações e as violências a que tantas mulheres ainda estão submetidas em várias culturas do mundo.
 
A idéia da escolha de um dia único para homenagear as mulheres teve origem no contexto da Segunda Revolução Industrial, quando houve a incorporação da mão-de-obra feminina, em grande escala, na base industrial.
 
As caóticas e desumanas condições de trabalho eram motivadoras de constantes protestos das operárias. O ponto alto dessas manifestações ocorreu em 8 de março de 1857, em Nova Iorque, quando as mulheres das fábricas de vestuário e indústria têxtil protestaram contra as condições de trabalho e por melhores salários.
 
Mas o primeiro Dia Internacional da Mulheres foi celebrado em 28 de fevereiro de 1909 nos Estados Unidos da América, por iniciativa do Partido Socialista da América.
No Brasil, em 1932, na Era Vargas, as mulheres ganharam alguns direitos trabalhistas e de ocuparem cargos políticos do executivo e legislativo.
 
Cinema – Na 82ª cerimônia do Oscar, realizada no domingo, 07, no Teatro Kodak, em Hollywood, a diretora de “Guerra ao Terror”, Kathryn Bigelow, foi a primeira mulher a receber a cobiçada estatueta dos membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas.
 
Sem dúvida, um outro momento especial que revela a importância das mulheres, também, na direção mundo contemporâneo numa área que influencia corações e mentes.
 
Outro registro da luta e coragem das mulheres por um mundo melhor e de paz, veio das eleições realizadas na República do Iraque, também neste domingo, quando o eleitorado feminino compareceu em grande número às urnas, sinalizando a preocupação com a reconstrução democrática daquele País.
 
Mesmo na República Islâmica do Irã, de regime fechado e totalitário, as mulheres, especialmente nas universidades têm demonstrado ousadia ao se alinharem às manifestações contra o atual governo.
 
Douglas Dinelli
Ascom Sema 
(91) 3184 3332
Fotos: Larissa Fernanda – Sema
Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará