Pará e Amazonas assumem coordenação de fórum de governadores

Copenhague – A governadora Ana Júlia Carepa e o governador Eduardo Braga, representando o Pará e o Amazonas, receberam nesta terça-feira, 15, das mãos do governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, o comando da chamada Força Tarefa dos Governadores, grupo de trabalho que coordena as ações conjuntas do Fórum Global de Governadores sobre Floresta e Clima (GCF, na sigla em inglês).

A partir de agora os dois estados vão coordenar todas as atividades relacionadas ao fórum, inclusive o encontro anual dos governadores, que por dois anos consecutivos foi realizado em Los Angeles e que agora será sediado em uma das duas capitais. O evento aconteceu em Copenhague, paralelo aos debates que envolvem a Conferência das Nações Unidas sobre o Clima (COP 15).

Integram o GCF os governadores Ana Júlia, Eduardo Braga, Binho Marques (AC), Blairo Maggi (MT) e Waldez Góes (AP), além de outros governadores dos Estados Unidos e da Indonésia. O fórum reúne governadores de estados detentores de florestas tropicais. Na próxima reunião o Tocantins, que participou como observador, representado pelo governador Carlos Gaguin, deverá se integrar ao grupo.

Os governadores da Amazônia entregaram uma carta a Schwarzenegger sugerindo que ele crie uma lei em seu estado instituindo a metodologia do pagamento pela Redução do Desmatamento e Degradação Evitados (REDD, na sigla em inglês), e assim possibilite que as empresas sediadas na Califórnia, como a Microsoft, possam apoiar projetos que visem a conservação da floresta. Os governadores defendem a tese de que a floresta em pé vale mais que ela tombada. Schwarzenegger de pronto disse que gostou da ideia e assumiu o compromisso de trabalhar por ela. Em março de 2010 ele deverá visitar o Amazonas e disse que gostaria de sancionar a lei no Brasil.

Para a governadora Ana Júlia, esse sinal de Schwarzenegger é um reconhecimento de que as relações subnacionais, construídas entre estados, estão fortalecidas e que as florestas são reconhecidas como um bem importante para o mundo. A governadora esteve por duas vezes na Califórnia, no Fórum de Governadores e agora deverá recebê-los, como co-líder do grupo, assim como Eduardo Braga, no segundo semestre de 2010. "Estamos transformando em oportunidades o que antes era visto como adversidade, que é a utilização de forma sustentável e com distribuição de riquezas dos nossos recursos naturais".

Ana Júlia tem reiterado aos seus interlocutores em Copenhague a necessidade de que os países desenvolvidos apoiem efetivamente a manutenção das florestas. "É preciso que o mundo reconheça que na floresta vivem pessoas que tem o mesmo direito à qualidade de vida que aquelas que moram nos países desenvolvidos. Por isso, o mundo tem que pagar pelos serviços ambientais que a floresta presta".

Na terça a governadora se reuniu ainda com o presidente global da The Nature Conservancy (TNC), Mark Tercek, com quem falou sobre as metas de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa, e das metas de redução do desmatamento do Pará, de 80% até 2020. Falou ainda sobre a importância da flexibilidade da metodologia do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) a fim de que esse mecanismo possa financiar o reflorestamento.

A governadora lembrou a Tercek que todo esse esforço de governo, para instituir a regularização ambiental e fundiária e promover negócios sustentáveis tem um custo e que é preciso apoio a projetos que resultem em geração de benefícios para a população.
Tercek disse que acompanha de perto as ações da TNC no Pará e que a organização mantém um bom time na Amazônia. "Para nós, dar suporte à Amazônia é ajudar a nós mesmos", ressaltou Tercek.

A TNC, que mantém sua sede na Amazônia em Belém, está desenvolvendo um projeto de Redução por Desmatamento e Degradação Evitados (REDD, na sigla em inglês), no município de São Félix do Xingu e acaba de aprovar um projeto no Fundo Amazônia para financiar atividades relacionadas ao Cadastro Ambiental Rural (CAR), mecanismo de regularização ambiental da propriedade rural, implementado pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Meio Ambiente (Sema).

À noite a governadora participou de um jantar com Schwarzenegger e o ex-primeiro ministro do Reino Unido, Tony Blair. Nesta quarta-feira ela participa de uma reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva junto com os demais governadores da Amazônia.

Ivonete Motta – Secom

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará