Xingu: Plano de desenvolvimento sustentável

O secretário de Estado de Integração Regional, André Farias, apresentou nesta terça-feira (25) ao diretor de Planejamento e Engenharia da Eletronorte, Adhemar Palocci, o Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu. A execução do projeto foi a condição imposta pelo governo do Pará para apoiar a implantação da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu.

 

Acompanhado pela coordenadora do projeto, professora Edna Castro, o secretário apresentou relatório sobre o plano, indicando as etapas já concluídas, os diagnósticos elaborados e os cenários apontados.

 

O Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu será incluído pelo governo federal no edital que licitará a usina de Belo Monte. Com isso, o governo do Pará garantirá que o empreendedor – o consórcio que construirá a usina – destine uma considerável parcela de recursos para impulsionar o desenvolvimento econômico e social dos municípios na área de atuação da usina hidrelétrica, que deverá ser a maior do país com 11.182 MW de potência instalada, totalizando um investimento de aproximadamente R$ 20 bilhões.

 

A intenção do governo federal é licitar a usina de Belo Monte em novembro deste ano. Antes disso, ocorrerão as últimas audiências públicas para ouvir a comunidade que vive na área de influência da hidrelétrica. Nessas reuniões, programadas para setembro, o governo do Pará também informará a população sobre o Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Xingu.

Com informações da Secom

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará