Secretário dá posse ao novo Diretor do Ideflor

Em uma solenidade bastante concorrida, com a presença de entidades federais, estaduais, representantes do setor produtivo, comunidades e instituições de Ensino e Pesquisa, sediadas em Belém, o Secretário de Estado de Meio Ambiente (Sema), Aníbal Picanço, empossou o novo Diretor Geral do Instituto de Desenvolvimento Florestal do Estado do Pará (Ideflor), Jorge Alberto Gazel Yared.

Secretário Aníbal durante a posse do Diretor Yared

O evento ocorreu nesta segunda-feira (3), no auditório da Sema. Yared substituiu Raimunda Monteiro, que teve que retomar o cargo de professora da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) para trabalhar no projeto de implantação da futura Universidade do Oeste do Pará, no campus de Santarém.

A primeira Diretora Geral do Ideflor não conseguiu uma vaga no trecho Santarém-Belém a tempo. Para representá-la na solenidade, pediu que a Diretora do Fundo de Desenvolvimento Florestal (Fundeflor), Luzia de Oliveira Fati, lesse uma carta feita especialmente para a ocasião. “O Ideflor é uma das realizações mais importantes entre as novas institucionalidades que emergem no estado do Pará, seguindo a tendência mundial e nacional de valorização de ativos ambientais e de criação de mecanismos de gestão florestal socialmente transparentes e tecnicamente confiáveis.”, destacou Raimunda.

A Primeira Diretora também mencionou, por carta, “o apoio incondicional da Assembléia Legislativa, que colocou em votação e aprovou a criação do Ideflor em abril de 2007; a atenção e coerência da Governadora e todos os Secretários, que atenderam as necessidades básicas de implantação do Instituto, viabilizando a contratação de servidores em cargos comissionados, aprovando e realizando concurso público, providenciando uma estrutura mínima necessária para o órgão começar a operar e a contribuição do empresariado, dos representantes dos movimentos sociais, das instituições de pesquisa e ensino superior e do Ministério Público Estadual,que compõem a Comissão Estadual de Florestas – (Comef), órgão que funciona  e formula propostas para aprimorar a  gestão florestal no Pará, desde o primeiro ano de existência do Ideflor.”, resumiu a carta de Raimunda.

Motivado pela leitura da carta, o Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Pará (Faepa), Carlos Xavier, lembrou o compromisso que o Estado do Pará tem com os recursos naturais “Temos apenas 24% do nosso território alterado. Um índice de preservação alto, pois 76% correspondem a 98 milhões e alguns hectares, cinco vezes o estado do Paraná, que é um dos maiores produtores brasileiros.”, explicou.

O Chefe Geral da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Amazônia Oriental (Embrapa), Cláudio Carvalho, também elogiou a gestão de Raimunda. “Em 1 ano e 4 meses, tivemos vários momentos de interação com o Ideflor. Quero agradecer pela iniciativa, pela coordenação inteligente da Raimunda e ratificar ao Dr. Jorge Yared nosso apoio e disponibilidade de cooperação de toda rede Embrapa”, disse Carvalho.

O Secretário de Estado de Agricultura e Pecuária do Pará (Sagri), Cássio Andrade, fez expresso agradecimento à Raimunda Monteiro, por sua contribuição ao Ideflor e desejou sucesso ao novo Diretor, Yared. Este, em seu discurso, dedicou palavras de carinho à gestão anterior “A Professora Raimunda foi a pessoa certa no momento certo. Suas idéias fortaleceram o órgão e deram os elementos necessários para uma economia florestal forte”.

Segundo Yared, as pesquisas na área ambiental foram ampliadas, foram criadas florestas públicas federais e estaduais e o presidente Luís Inácio Lula da Silva viabilizou a Lei de Gestão de Florestas Públicas.

“ Há trinta anos, sonhávamos com esses avanços significativos na área ambiental, agora, as bases para uma economia pautada em responsabilidade social e ambiental estão assentadas.”, revelou o novo Diretor Geral.

Depois de parabenizar Yared, o Secretário Aníbal Picanço garantiu apoio necessário ao setor produtivo, ao empresariado e aos trabalhadores “ Estamos em um momento ímpar no Pará, um marco de desenvolvimento nunca antes visto foi estabelecido. Nosso objetivo é garantir condições para os que desejam, de fato, trabalhar na legalidade. Para os que não pretendem se regularizar, o Estado será implacável”, advertiu.

Aníbal falou ainda das parcerias com o setor produtivo e da participação efetiva de várias deputados da Assembléia Legislativa. Terminou o discurso com  irrestrito apoio que dará ao Ideflor “ Somente com a cooperação entre os órgãos, a conjugação dos esforços, será possível estabelecer um novo modelo de desenvolvimento na região”, definiu Picanço.

Também assisitiram à cerimônia, o Secretário Adjunto da Sema, Miro Canto; o Diretor de Recursos Hídricos (Direh) e Diretor  de Gestão Florestal (interino), Manoel Imbiriba Jr., e o Diretor de Gestão Administrativa e Financeira (Dgaf), Getúlio Bicudo, coordenadores e gerentes do órgão ambiental.

Ascom/Sema

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará