Governo assina convênios com MMA e homenageia Chico Mendes

A governadora Ana Júlia Carepa assinou, nesta segunda-feira (22), dois convênios com o Ministério do Meio Ambiente (MMA) para a elaboração do Plano Estadual de Recursos Hídricos e a Política Estadual de Resíduos Sólidos. A cerimônia de assinatura dos convênios lembrou também os 20 anos do assassinato do líder seringueiro Chico Mendes, com entrega de placas e homenagem póstuma a mártires do movbimento social paraense. 

O ato aconteceu às 18h, no Memorial dos Povos Indígenas, do projeto Ver-o-Rio, e contou com a presença de representantes de movimentos sociais e entidades que trabalham em defesa dos direitos humanos. Antes da cerimônia formal, os participantes assistiram a uma mística, que incluiu cantos e orações. 

Foi uma solenidade simples, mas marcada pela emoção. A governadora Ana Júlia Carepa lembrou emocionada a fundadora do Movimento de Mulheres do Campo e da Cidade (MMCC), Isa Cunha, com quem dividiu tarefas na militância. “Sempre me espelhei na Isa”, disse a governadora, com lágrimas nos olhos. 

Outras 12 pessoas que tombaram na luta pela terra ou em defesa dos direitos humanos também foram lembradas e homenageadas com placas do governo do Estado alusivas à luta de Chico Mendes. Ana Júlia Carepa fez questão de entregar a placa em homenagem à irmã Dorothy Stang recebida pela irmã Inês Evangelista, religiosa ligada à CNBB (Confederação Nacional dos Bispos do Brasil). 

Ao todo, foram prestadas 13 homenagens póstumas, entre elas, a Chico Mendes. A lista segue com os nomes de Isa Cunha, Rejane Guimarães, Paulo Fonteles, João Batista, Francisco de Paula, João Canuto, Onalício Barros (Fusquinha), Adelaide Molinare, Dorothy Stang, Raimundo Lima (Gringo), Ademir Federicci (Dema) e José Dutra da Costa (Dezinho). 

“A melhor forma de homenagear essas pessoas é fazer políticas públicas”, ressaltou a governadora. “É transformar em realidade os sonhos pelos quais eles tombaram”, completou ela. Os mártires homenageados pelo governo eram sindicalistas, líderes de movimentos sociais e religiosos. 

Convênios – A assinatura dos dois convênios com o MMA, nesta segunda-feira 22, contou com a presença do secretário nacional de Recursos Hídricos, Vicente Andreu, e do secretário estadual de Meio Ambiente, Valmir Ortega. Também participou da cerimônia o secretário de Justiça e Direitos Humanos do Pará, Roberto Martins. 

Por meio dos convênios, o governo terá recursos, no valor de R$ 1,2 milhão, para elaborar o Plano Estadual de Recursos Hídricos; e R$ 640 mil, para a Política Estadual de Resíduos Sólidos. “O plano é o primeiro grande instrumento de como devemos fazer uso da água, para garantir mais qualidade e quantidade para todos”, disse Valmir Ortega. 

A governadora assinou um decreto que cria o grupo de trabalho que vai gerenciar o Plano Estadual de Gestão Integral dos Resíduos Sólidos. O grupo é formado por integrantes da Secretaria de Meio Ambiente do Pará. “Todo esse esforço é para que os nossos recursos hídricos sejam utilizados da melhor forma possível”, disse Ana Júlia Carepa. 

Evandro Santos – Secom

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará