Madeira ilegal apreendida em Tailândia é leiloada

Parte da madeira apreendida pelo Instituto Brasileiro dos Recursos Naturais e Renováveis (Ibama) em Tailândia nas operações Guardiões da Amazônia e Arco de Fogo, em fevereiro e março passados, serão licitadas nesta terça-feira (7) pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema). A madeira está depositada no pátio da empresa Agropalma e poderá ser examinada pelos interessados até esta segunda-feira (6), em horário comercial, na rodovia PA-150 KM 140, no município de Tailândia.

Ao todo, serão ofertados cerca de 2.160 m³, sendo 1.273 toras e 39,3 m³ de madeira serrada de espécies como o angelim, ipê, jatobá, maçaranduba, louro, melancieira e outros. O leilão será realizado no local onde a madeira está depositada, com início às 10 horas.

A madeira será vendida no estado em que se encontra e deverá ser avaliada previamente pelo interessado. Poderão participar do leilão pessoas física e jurídica, sendo vedada a participação do infrator que teve bens apreendidos em operações de fiscalização de combate a crimes ambientais. O dinheiro apurado com a venda da madeira será revertido no fortalecimento das ações de combate ao desmatamento e à outros ilícitos ambientais.

O edital está à disposição dos interessados no site da Sema, www.sema.pa.gov.br, ou na sede do órgão ambiental, que fica na travessa Lomas Valentina, 2717, bairro do Marco, em Belém.

 

Texto: Ivonete Motta – Secom

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará