Governo lança programa Um Bilhão de Árvores para a Amazônia

O secretário de Meio Ambiente, Valmir Ortega, lançou internamente, na tarde desta segunda-feira (26), as bases para o programa Um Bilhão de Árvores para a Amazônia, no auditório da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), para os servidores do órgão. Segundo ele, a intenção é dar visibilidade global para o programa no Fórum Social Mundial, que ocorrerá em Belém, em janeiro de 2009.

 

A expectativa é mobilizar esforços para acabar, nos próximos cinco anos, com o desmatamento na Amazônia. Ortega confessou que esta é uma luta inglória, mas que deve ser iniciada. Ele ressaltou a necessidade de envolver parceiros globais para restaurar a floresta. “Podemos ter a ambição de usar o Cadastro Ambiental Rural (CAR) para exigir redução do desmatamento e restauração florestal. É possível transformar reservas legais em negócios sustentáveis”, afirmou.

 

“Se não tivermos condições de gerar 120 reais por hectare/ano (que é o lucro gerado na criação de boi), assinamos atestado de incompetência”, comparou. Conforme Ortega, a legislação permite e dá abertura para uso econômico-ecológico da floresta. “É possível termos desenvolvimento e convivermos com a floresta”, ponderou.

 

A meta do programa é plantar um bilhão de árvores nos próximos cinco anos. A maior parte das ações poderá, segundo o secretário, ser medida pelo plantio, que será também um instrumento de pressão e cobrança para o que está sendo desenvolvido.

 

O esqueleto do programa será lançado oficialmente nesta sexta-feira (30) na presença do presidente Lula. “Devemos olhar para o programa e ver como ele dialoga com o que fazemos na secretaria. Deve ser um movimento da sociedade para além do governo. Na hora que começar a multiplicar ações é sinal de que o programa começou a funcionar”, alertou o secretário.

 

A idéia é engajar os 143 municípios no esforço de restauração florestal e consolidar a imagem do Pará como protetor e reparador da floresta amazônica, projetando nova marca para o mundo.

 

Juliana Leal Cardoso – Ascom

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará