Sema apreende madeira em Moju

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apreendeu na última sexta-feira, 11, cerca de 14,34 metros cúbicos de madeira serrada, da espécie conhecida popularmente como pequiá, no município de Moju, a 120 km de Belém. Dois técnicos da Gerência de Fiscalização Florestal se deslocaram ao município para fazer medir o volume da madeira e instaurar procedimento administrativo adequado.

 

A madeira fora retida pela Polícia Rodoviária Estadual no dia 7 de janeiro, depois de constatar que o condutor do veículo, Jonas de Jesus Melo, não possuía Guia Florestal específica (GF3), nem tampouco a nota fiscal, documentos obrigatórios para o transporte de produto de origem florestal. O caso foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Moju, que acionou a Sema para os procedimentos estabelecidos pela legislação ambiental.

 

Os técnicos da fiscalização lavraram um auto de infração em desfavor do motorista do caminhão pelo transporte ilegal de produto de origem florestal. O motorista alegou desconhecer o proprietário da madeira e local exato de onde ela foi retirada, limitando-se a dizer que saiu de um ramal de uma estrada secundária do município. Ele informou ainda que a carga seguiria para Abaetetuba, mas se recusou a informar o local da entrega bem como o receptador. A Polícia Civil de Moju deve abrir procedimento criminal para investigar essa omissão e descobrir os verdadeiros responsáveis pelo evento.

 

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Moju, por meio do servidor Gerson Martins dos Santos, ficou como fiel depositária da madeira apreendida. O caminhão também ficará retido, sob a responsabilidade da Polícia Civil, que fará o encaminhamento do caso à Justiça.

 

A área jurídica da Sema vai analisar o auto de infração e estabelecer o tipo de penalidade que o ocorrido requer.

 

Ivonete Motta – Sema

 

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade
Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará